27 Pessoas online preenchendo o Laudo de Vistoria de Veículo agora agora
Analista Jurídico Camilla Soares
05/07/2024

6 【ERROS】 que invalidam o Contrato Laudo de Vistoria de Veículo! 【Cuidado】 com o 5º!

Descubra TUDO sobre o Contrato Laudo de Vistoria de Veículo. O que é o Contrato de Laudo de Vistoria? Quais os detalhes mais importantes? Quem é responsável por fazê-lo? Modelo de laudo simples e atualizado para imprimir em Word e PDF.

  1. 1. Quando é necessário fazer o Laudo de Vistoria de Veículo?
  2. 2. Qual a Diferença entre Inspeção e Vistoria?
  3. 3. Quais são os Tipos de Vistoria?
  4. 4. Por que fazer a Vistoria antes de vender o veículo?
  5. 5. O que é analisado durante a Vistoria de Veículo?
  6. 6. E se for reprovado na Vistoria? 

Se você tem um veículo e vai vendê-lo, provavelmente, precisará apresentar um laudo do veículo.

Melhor! Se você deseja comprar um veículo, gostaria de saber as condições que ele se encontra, certo?

O laudo de vistoria é um documento muito importante, nele está descrita toda a situação do veículo, sendo carro ou moto, além de atestar o seu bom estado de conservação ou não.

O laudo é feito antes de uma venda ou de alugar, sendo uma exigência legal, mas pode dispensável em algumas situações específicas.

Não precisa esperar o Luciano Hulk bater na sua porta e procurar a lata velha!

Faça vistorias de tempos em tempos e cuide do seu veículo, não pela aparência, mas por sua segurança.

 

1. Quando é necessário fazer o Laudo de Vistoria de Veículo?

Este documento é necessário nas compras e vendas de um veículo e licenciamentos, nos veículos que têm mais de 5 anos de fabricação.

Em compras e vendas é uma forma de garantia que o novo dono vai receber um carro em boas condições, se caso a vistoria não for feita o comprador só irá descobrir os problemas mais na frente e ninguém gosta de receber esse tipo de surpresa.

Com a vistoria, vai evitar que carros que não estão em boas condições continuem a circular, também impedindo possíveis fraudes.

2. Qual a Diferença entre Inspeção e Vistoria?

Inspeção veicular é aquela que faz uma conferência em todo o veículo. Confere, por exemplo, se tem os equipamentos obrigatórios e como está a segurança do automóvel.

É uma avaliação mais precisa, devendo ser feita a cada 2 anos, para assegurar que o veículo tem condições de estar transitando com segurança.

Já a vistoria garante que o veículo está em condições de venda, e que suas peças não são clonadas.

A diferença maior é que na vistoria, um vistoriador vai avaliar o carro sem testes muito avançados, enquanto que na inspeção é feita por rodagem do veículo e usando equipamentos específicos. 

Assim como a apresentação dos documentos, também é necessário apresentar um Laudo de Vistoria válido e que esteja de acordo com os requisitos exigidos por lei. Por esse motivo é tão importante que ele não seja redigido por qualquer pessoa.

3. Quais são os Tipos de Vistoria?

Depois de entender a diferença entre vistoria e inspeção, agora vamos ver a diferença entre os tipos de vistorias, todas elas tem o mesmo objetivo que é saber as condições do veículo.

Vistoria para transferência

É feita quando precisa transferir o veículo de uma pessoa para outra ou alterar a documentação do automóvel, nela verifica se houve ou não adulteração, que ele está em estado de conservação adquado ou se precisa fazer alguma manutenção.

Vistoria Cautelar

É obrigatória, é realizada quando deseja comprar algum veículo, é feito uma avaliação rigorosa, identifica possíveis danos, ou se teve alguma adulteração.

Seu objetivo principal é garantir que está dentro dos padrões de fabricação, assim quem vai comprar o carro ou moto vai estar ciente qual é as condições que o veículo se encontra.

Vistoria Prévia 

Antes de contratar, renovar ou trocar de seguro é feita a vistoria prévia, nela define quais as condições do veículo, atestam se o carro pode ou não ser assegurado.

4. Por que fazer a Vistoria antes de vender o veículo?

Já comprou algo que aparentemente era lindo mas quando chegou em casa não funcionava?

Fazer a vistoria antes de comprar um veículo, é de extrema importância para evitar esse tipo de surpresa desagradável.

Quando não se tem o laudo de vistoria, você só vai descobrir os problemas quando for fazer algum seguro. Ou pior ainda, quando for revender o veículo. 

Porém, o laudo não pode ser feito por qualquer um, porque apesar de parecer a forma mais fácil e menos onerosa, pode trazer grandes prejuízos, como no caso do veículo estar com problemas.

Não corra riscos desnecessários! Garanta a segurança jurídica de seu negócio com um contrato redigido por especialistas em contratos.

5. O que é analisado durante a Vistoria de Veículo?

São avaliadas coisas como:

  • Motor;
  • Pintura;
  • Multas;
  • Ofertas em leilões;
  • Histórico de Km;

É importante analisar esses detalhes pois se por exemplo, se tiver auterações no chassi ou no motor a pessoa vai saber antes de passar pela vistoria do Detran, recebendo além de multa, reclusão de três a seis anos.

Além de saber o que é avaliado é importante saber o que pode acontecer se caso você for reprovado na vistoria por algum motivo? Continue lendo para saber o que fazer.

6. E se for reprovado na Vistoria? 

Caso seja reprovado você pode solicitar uma nova vistoria, caso for reprovado novamente, então dentre 30 dias você pode regularizar sua situação para fazer uma nova vistoria. 

Ter a situação do veículo em dia é importante, para a sua segurança e a dos outros também.

O que pode te reprovar na vistoria veicular? Veículos rebaixados ou quando a suspensão está comprometida, se o carro for blindado não apresentar desgastes na blindagem, janelas rachadas ou as películas refletidas.

Já ouviu falar em pneu careca? Isso acontece quando o pneu está tão desgastado que acaba comprometendo a estabilidade do veículo, alguns deixam chegar nesse estado para economizar.

Como uma expressão muito usada já diz: "o barato sai caro", isso também se aplica nessa situação, não só porque pode te reprovar na vistoria mas também põe em risco sua segurança e a do outro.

Tomar esses cuidados vai garantir sua aprovação na vistoria.

Seu contrato é a base de seu negócio. Invista na atualização e redação adequada do seu contrato e evite prejuízos e dores de cabeça futuros.

Tudo sobre o Tema:

Legislação: Lei nº 9.503 (Código de Trânsito Brasileiro) 

Conceito: Documento que comprova que uma pessoa cedeu o uso de seu imóvel para que outra pessoa utilize-o, recebendo um valor como retribuição.

Vigência:  É recomendado o prazo de 12 meses nesse tipo de contrato, mas as partes podem decidir qual o prazo que aplicarão ao contrato.

O que não pode faltar: 

  • saber como está a situação jurídica e financeira do veículo;
  • qualificação das partes;
  • descrição do veículo;
  • vigência do contrato;
  • condições de pagamento;
  • cláusula para caso de venda do veículo durante o contrato;
  • cláusula de reajuste;
  • cláusula de quebra de contrato.

Outras Nomenclaturas:


Dúvidas mais frequentes

1. Qual órgão responsável?

O órgão responsável é o Detran.

2. Onde posso fazer a vistoria?

A vistoria deve ser feita em qualquer oficina credenciada do Detran.

3. O que pode me reprovar na vistoria?

Pode ser causa de reprovação, coisas como, veículo que foi rebaixado, janelas rachadas, faróis e lanternas que não funcionam, entre outros detalhes.

4. Preciso agendar para fazer a vistoria?

Sim, pelo site ou em qualquer instituição do Detran.