27 Pessoas online preenchendo o Contrato de Prestação de Serviços de Gestor de Tráfego agora agora
Analista Naiara de Souza
06/08/2022

 Os 5 erros mais comuns ao fazer um Contrato de Gestor de Tráfego - e como evitá-los

Descubra o que é um Contrato de Serviços Prestados de Gestor de Tráfego. Como preencher o modelo de contrato de Gestão de Tráfego? Como fazer um Contrato de Serviços Prestados de Gestor de Tráfego? Quais cláusulas são necessárias para tornar o seu contrato válido? Modelo simples e adaptado à nova Lei para imprimir em Word e PDF.


1. O que é o Contrato de Prestação de Serviços de Gestor de Tráfego?
2. Como elaborar e quais Cláusulas devem ser utilizadas para que o seu contrato tenha validade?
3. Quais são as diferenças entre o Marketing Digital e a Gestão de Tráfego?
4. Como funciona o Tráfego Orgânico  e o Tráfego Pago  e como ele deve estar inserido no seu Contrato?
5. Posso cancelar o Contrato de Prestação de Serviço de Gestor  de Tráfego?

1. O que é o Contrato de Prestação de Serviços de Gestor de Tráfego?

O empreendedorismo, na atualidade,  está exigindo o uso, cada vez mais,  intenso  de ferramentas do Marketing Digital.

Por ser tão essencial, é necessário contratar um profissional que entenda do assunto e gerencie todas as estratégias, ou seja, que desenvolva um trabalho que dê resultados positivos  na quantidade de tráfego no seu site fazendo com que alavanque as suas vendas e a sua marca no mercado. Este profissional é o Gestor de Tráfego. 

Sendo assim, para maior segurança das partes, é necessário celebrar um contrato que deixe claro todos os objetivos, ferramentas, prazos, penalidades em caso de descumprimento, serviços prestados e descrição das atividades  a serem desenvolvidas como se será um tráfego pago e/ou tráfego orgânico.

Outro motivo para se fazer um Contrato de Prestação de Serviços de  Gestor de Tráfego é que este profissional terá acesso a informações sensíveis e confidenciais  do seu negócio como acesso a senhas, sistemas, dados estratégicos  que reflete  a imagem e credibilidade do seu negócio.

Além disso, é uma forma do Gestor de Tráfego mostrar que se importa com a sua marca.  Por isso, é essencial conhecer algumas cláusulas que não podem faltar no seu contrato para que ele seja válido e garanta segurança. 

2. Como elaborar e quais Cláusulas devem ser utilizadas para que o seu contrato tenha validade ?

Para elaborar este contrato de forma que não cause maiores dores de cabeça no futuro, é necessário estar ciente da jurisprudência atual, dos artigos e cláusulas  vigentes que se enquadram na sua realidade.

Entre as principais normas firmadas entre as partes podem estar: se o contratante e o contratado são pessoas físicas ou jurídicas, objeto do contrato, as obrigações, as observâncias referente à Lei Geral de Proteção de Dados, dentre outros.

Adiante, saiba a importância que algumas destas cláusulas têm em seu contrato. 

Confidencialidade: 
Essa Cláusula de Confidencialidade garante a NÃO divulgação de informações sigilosas e confidenciais que as partes terão acesso. 

Prazo Determinado ou Indeterminado: 
Essa Cláusula de Prazo garante se o contrato firmado será estabelecido de forma determinada ou indeterminada, a primeira com uma data estabelecida do início e fim do vínculo entre o contratante (quem requer o serviço)  e o contratado (Gestor de Tráfego), podendo ser prorrogado, o segundo, apenas, com um data de início e sem data estabelecida para o seu fim.

Exclusividade por Nicho: 
 Essa Cláusula de Exclusividade estabelece se o contratado poderá trabalhar com outras empresas que vendem o mesmo serviço que você ou não.

Descrição da Prestação de Serviço: 
Essa cláusula é importantíssima para deixar claro todos os serviços que serão prestados e desenvolvidos, implicando em penalidades de multa em caso de descumprimento.

Essas são, apenas, as principais cláusulas  que devem estar presentes no seu contrato, para ter acesso às demais cláusulas atualizadas e revisadas por nossos advogados é só clicar  no link abaixo. 

 3. Quais são as diferenças entre o Marketing Digital e a Gestão de Tráfego?

O Marketing Digital é algo mais amplo que envolve várias ferramentas e setores a serem trabalhados,  entre eles está a Gestão de Tráfego, ou seja, a Gestão de Tráfego é algo específico em que o profissional se especializa para entregar resultados relacionados ao fluxo de pessoas que acessam os seus meios de divulgação do seu produto com a intenção de convertê-los em novos clientes dispostos a comprar e gerar lucro.  

Clique aqui para saber mais sobre o Contrato de Prestação de Serviço de Marketing Digital

4. Como funciona o Tráfego Orgânico  e o Tráfego Pago  e como ele deve estar inserido no seu Contrato?

Entre as categorias de tráfegos estão esses principais: Tráfego Orgânico e o Tráfego Pago, sendo necessário especificar no seu contrato se o Gestor de Tráfego irá trabalhar  com ambos ou apenas um.

Dessa forma, é importante entender como funciona cada um:  o Tráfego Orgânico se referente a quantidade de pessoas que acessam o seu serviço sem a influência de anúncios pagos e o Tráfego Pago como o nome já diz é quando o público chega ao serviço por meio de anúncios e propagandas pagas em outras canais como o Google Ads e o Facebook Ads, por exemplo.

Se o contratante escolher essa última opção, é preciso informar no contrato se o contratado irá arcar com alguma etapa da Tráfego Pago  ou não, se a resposta for “não” tem que esclarecer como será custeado esses valores pelo contratante. 

Essa e tantas outras especificidades reforça a ideia de fazer um Contrato com quem, de fato, entende do assunto e o melhor,  sem ter a necessidade  gastar valores altíssimos para a elaboração de um. 

 5. Posso  cancelar o Contrato de Prestação de Serviço de Gestor  de Tráfego?

Existem algumas formas para rescindir um contrato já assinado sendo necessário saber como fazer o cancelamento para não correr o risco de sofrer alguma penalidade.

Uma das melhores formas é conversar com a(s) outra (s) parte (s) do contrato de forma amigável e fazer um acordo mútuo. 
Se o contrato for firmado com prazo determinado pode-se esperar a finalização do prazo sem fazer a renovação ou prorrogação do contrato.

Outrossim, se for por prazo indeterminado, pode-se escrever uma notificação, com aviso prévio, descrevendo os motivos do cancelamento  e o pagamento estabelecido até a data da rescisão. 

Outra possibilidade é a quebra de contrato, porém a menos indicada pois  pode acarretar  em consequências como  o pagamento de indenizações. 

Tudo sobre o Tema:

Legislação: Código Civil- Lei 10.406/02 e Lei n° 13.709/18 - Lei de proteção de dados;

Conceito:  O Contrato de Prestação de Serviço de Gestor de Tráfego é criado com o intuito de proteger os dados confidenciais e sigilosos do seu negócio em que o profissional terá acesso, como também poderá estabelecer os serviços a serem desenvolvidos, os prazos, as formas de pagamento e de investimento, no caso de  tráfego pago. Além disso, mostra o interesse e respalda o serviço do Gestor de Tráfego em cumprir o que está no contrato. 

Outras nomenclaturas para este documento: 

Contrato de Gestão de Tráfego 

Contrato de Serviços Prestados de Gestor de Tráfego

Contrato de Serviços Prestados de Gestão de Tráfego

Contrato de Analista de Tráfego 


Dúvidas mais frequentes

1. Por que devo fazer um Contrato de Serviços Prestados de Gestor de Tráfego?

Este contrato é importante para ambas as partes, pois pode garantir e estabelecer critérios e a forma como o serviço será prestado e desenvolvido, além da segurança jurídica, transparência e resguardo dos direitos e deveres.   

2. Como o contrato de Gestão de Tráfego deve ser realizado?

O contrato poderá ser realizado por meio de documento particular com firma reconhecida no Tabelionato de Notas.

3. O que é Tráfego de Referência e Tráfego Social? 

São estratégias que podem ser utilizadas pelo Gestor de Tráfego para otimizar o seu site.  O Tráfego de Referência é quando o fluxo de pessoas se dá por links inseridos em outros meios midiáticos que vão direcionar para o seu site.   Já o Tráfego Social é o fluxo direcionado pelas redes/ mídias sociais.